Otimismo para fechar o ano gerando negócios

Otimismo para fechar o ano gerando negócios

A organização da Feira Construsul enfatiza seu engajamento para retomada do setor. Com parceria e união de todos os envolvidos, estamos nos preparando para voltar com força total. A 23ª Construsul será realizada de 3 a 6 de novembro de 2020, no Centro de Eventos da Fiergs, em Porto Alegre, RS. Somos cientes que a construção é um propulsor essencial para economia e que a realização de feiras desempenha papel importante na geração de negócios, apresentação de novas tecnologias e atualização profissional.

Na retomada, a 23ª Construsul irá acontecer utilizando todas as ferramentas necessárias para realização da feira com responsabilidade. Reafirmamos nosso compromisso com a segurança dos colaboradores, fornecedores, expositores e visitantes. A exemplo de anos anteriores, o foco não está na quantidade, mas na qualidade do público, proporcionando a este toda segurança com adequações aos mais rigorosos modelos de protocolos

Entre alguns itens do protocolo de segurança previsto (que receberá ajustes de acordo com as orientações das autoridades de saúde) estará higienização e ventilação dos pavilhões, sinalização de distanciamento nas filas, uso de EPI´s, instalação de túneis de higienização na entrada do evento, distribuição de álcool gel, verificação de temperatura por profissionais de saúde, além de respeitar o número de pessoas estabelecido.

Estamos alinhados com protocolos recomendados pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul, que recentemente confirmou a realização da Expointer (uma das maiores feiras de agronegócios do mundo, que reuniu mais de 400 mil pessoas na última edição) com data limite até final de setembro de 2020. O campeonato estadual de futebol (Gaúchão 2020) também foi confirmado para reiniciar entre julho e agosto.

Segundo estudo da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel), considerando todos os infectados, a letalidade no Rio Grande do Sul estaria em 0,4%. Dados contabilizados até dia 13 de maio registraram 111 mortes confirmadas no Rio Grande do Sul por Covid-19, cerca de 10 por milhão de habitantes. Em São Paulo, por exemplo, são quase 90 por milhão.

A capital gaúcha é considerada exemplo a ser seguido no combate à Covid-19. Porto Alegre teve o primeiro caso da doença em 8 de março. Passados dois meses, a cidade de quase 1,5 milhão de habitantes tinh 19 vítimas fatais. Em 13 de maio, a cidade tinha 644 casos, e levou 29 dias para dobrar o número de confirmações. A menor velocidade na confirmação de novos casos e mortes aponta para o sucesso nas ações tomadas.

Conforme o Sindicato das Indústrias da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS),com a permissão da retomada da construção civil em Porto Alegre, cerca de 200 canteiros de obras foram imediatamente reativados, voltando ao patamar anterior ao início da pandemia.

Segundo pesquisa da Câmara Brasileira da Construção (CBIC) realizada com consumidores e incorporadores, em resultados comparativos entre os meses de março e abril,  foi identificado um aumento na intenção de lançamentos horizontais de 293 para 297. São mais R$ 3 bilhões ainda este ano somente em lotes. Com relação a prédios, a amostra apresentou um aumento de 296 para 586 lançamentos, equivalente a aproximadamente R$ 30 bilhões em projetos de incorporação a serem lançados ainda em 2020.

Acreditamos plenamente na motivação e necessidade do visitante comprador se reconectar rapidamente com o mercado, reaquecendo a economia, garantindo bons negócios para final de 2020 e impulsionando o início de 2021.

Sucesso a todos!

By |15/05/2020|Comentários desativados em Otimismo para fechar o ano gerando negócios
Translate »