A MORAES traz novidade em piso pronto com matéria prima ecologicamente correta na Construsul 2016

A MORAES traz novidade em piso pronto com matéria prima ecologicamente correta na Construsul 2016

A empresa A MORAES, com mais de 40 anos de mercado,  estará presente na 19ª Construsul, que ocorrerá nos pavilhões da FENAC , em Novo Hamburgo, de 03 a 06 de agosto. Na ocasião, lançará o piso pronto E4E produzido com madeira de eucalipto (oriunda de reflorestamento sendo  ecologicamente correta ).

Além disto, importante informar que a empresa comercializa madeiras nobres, com garantia de procedência como : garapeira, freijó, cumaru, ipê, itaúba, tauari, massaranduba, teca e outras. É especializada no beneficiamento de madeiras para pisos, decks, pergolados, escadas, telhados e revestimentos internos e externos. Seus produtos oferecem excelente custo X benefício e valorizam o projeto arquitetônico dando charme e requinte ao ambiente. A matéria-prima para fabricação dos produtos recebe atenção especial desde a separação, o armazenamento e estocagem até a entrega ao cliente. As madeiras  são engradeadas e secas para que tenham  teor de umidade adequado, dando estabilidade ao produto e evitando assim seu encanoamento e a abertura de frestas. O piso pronto com acabamento final de pintura U.V (assoalho E4E) – reconhecido internacionalmente é um dos produtos de destaque da A Moraes – é alternativa eficiente para colocação diretamente no contrapiso, possuindo rápida instalação com cola PU , fácil manutenção e grande durabilidade. Além do investimento contínuo nos processos produtivos, na capacitação de pessoal, na aquisição de equipamentos com maior tecnologia, a empresa oferece aos consumidores produtos de qualidade, atendimento especializado, compromisso com a entrega  e solução adequada para as necessidades específicas dos clientes e projetos. A AMoraes possui clientes em todo o país, especialmente na região sul,  bem como  no exterior.

By |04/08/2016|Comentários desativados em A MORAES traz novidade em piso pronto com matéria prima ecologicamente correta na Construsul 2016
Translate »